Até recentemente, o reconhecimento facial tecnologia era um conceito mais comumente associado à ficção científica. No entanto, a tecnologia agora avançou ao ponto de se tornar mainstream, compatível com smartphones e usada por sites de mídia social. Outra área em que o reconhecimento facial está sendo introduzido com mais frequência é a indústria de viagens e, neste artigo, você descobrirá como ele está ajudando a transformar fundamentalmente o turismo.

Menu rápido:

O que é reconhecimento facial?

Reconhecimento facial tecnologia é uma forma de inteligência artificial biométrica, que é capaz de identificar um indivíduo, ou verificar sua identidade, baseada apenas em seu rosto. A tecnologia normalmente funciona comparando uma imagem digital ou quadro de vídeo aos rostos em um banco de dados, combinando características faciais e / ou texturas de pele.

Até o momento, o reconhecimento facial foi implantado em uma variedade de campos. O Facebook usa reconhecimento facial para identificar rostos humanos em imagens digitais, enquanto a Apple possui um sistema chamado Face ID, que é usado para autenticar a identidade do usuário, evitando o acesso não autorizado. A tecnologia também é usada em serviços de segurança e aplicação da lei.

Reconhecimento facial na indústria de viagens

A tecnologia de reconhecimento facial também está sendo explorada e utilizada com mais frequência na indústria de viagens. Pode ser especialmente útil aqui, porque as empresas de turismo têm que lidar com um grande número de viajantes e clientes, qualquer tecnologia que ajude a acelerar os processos é extremamente benéfica.

Além disso, em aeroportos e hotéis, a segurança é uma preocupação fundamental e o reconhecimento facial pode ser usado para identificar pessoas com mais facilidade, para permitir que pessoas específicas tenham acesso a lugares e para manter outras afastadas. Além disso, a capacidade de reconhecer rostos quase que instantaneamente também pode melhorar o experiência do cliente por meio de uma maior personalização.

4 maneiras de o reconhecimento facial ser usado na indústria de viagens

1. Personalização

Uma das maneiras mais óbvias de a indústria de viagens usar a tecnologia de reconhecimento facial é melhorar personalização para clientes. Ao comparar rostos em ambientes do mundo real com aqueles em um banco de dados, hotéis e outras empresas podem identificar pessoas rapidamente e personalizar serviços para essas pessoas.

Os hotéis, por exemplo, podem oferecer aos hóspedes a opção de fornecer uma fotografia sua durante o reserva processo. Quando a câmera do hotel identifica seu rosto na chegada, a equipe do hotel pode ir cumprimentá-los pelo nome e usar as informações da reserva para garantir que recebam um serviço que seja mais específico para eles. Também pode ser usado para identificar os hóspedes que já se hospedaram no hotel antes, permitindo que sejam recompensados por seu costume recorrente.

2. Segurança

Outra forma pela qual o reconhecimento facial pode ser benéfico para a indústria de viagens é através do aumento da segurança e há uma série de usos potenciais nesta área. Por exemplo, o reconhecimento facial pode ser usado para verificar a identidade de um hóspede e conceder-lhe acesso a um quarto de hotel, academia ou outras instalações do hotel.

O reconhecimento facial também pode ser usado para ajudar a prevenir crimes ou identificar convidados ou visitantes incômodos. Por meio de um banco de dados interno, a tecnologia pode alertar com rapidez e precisão os funcionários do hotel sobre a presença de pessoas com histórico de mau comportamento, permitindo que sejam mais facilmente removidas das instalações ou denunciadas à polícia.

3. Análise de dados

Para hotéis e outras empresas no indústria de viagens, os dados desempenham um papel crucial ao permitir que prestem um serviço excelente e otimizem seus processos. Esta é uma área em que a tecnologia de reconhecimento facial provavelmente terá um papel mais crítico nos próximos anos, permitindo que alguns dados sejam coletados automaticamente.

Em vez de simplesmente combinar rostos em uma imagem com rostos em um banco de dados, a tecnologia também pode ser potencialmente usada para identificar se alguém é homem ou mulher, fornecer uma estimativa de sua idade e estabelecer seu humor. Isso pode fornecer informações confiáveis sobre os dados demográficos dos clientes e como eles respondem a diferentes locais e serviços, com as empresas usando isso para identificar tendências importantes.

4. Pagamentos

Finalmente, um dos usos mais interessantes do reconhecimento facial é ajudar a autorizar pagamentos de forma rápida e contínua. MasterCard já começou a experimentar com um 'selfie pagar' sistema, onde os pagamentos podem ser confirmados usando um smartphone câmera, com a imagem sendo correspondida a uma em um banco de dados.

Em hotéis, isso poderia ser usado para processar pagamentos no check-out, potencialmente sem a necessidade de interagir com um membro da equipe. A tecnologia também pode ser implantada em outras áreas, como em restaurantes, enquanto hotéis, companhias aéreas e outras empresas de turismo também podem utilizá-la para identificar membros de esquemas de fidelidade e aplicar descontos automaticamente em seus pagamentos finais, eliminando a necessidade de cartões de fidelidade ou códigos de desconto .

Exemplos de reconhecimento facial na indústria de viagens

Check-in de reconhecimento facial 1# no Marriott China

Em duas propriedades Marriott na China, os hóspedes têm a opção de chegar, ir a um quiosque e usar a tecnologia de reconhecimento facial para fazer o check-in com rapidez e sem esforço, sem a necessidade de fazer fila ou esperar por um membro da equipe.

 

Aeroportos 2# Implementam Tecnologia de Reconhecimento Facial

Vários aeroportos já adotaram a tecnologia de reconhecimento facial, permitindo aos turistas comprovar sua identidade e embarcar em voos ficando por alguns instantes na frente de uma câmera, eliminando a necessidade de cartões de embarque.

 

3# Reconhecimento facial para conveniência e personalização

A tecnologia NeoFace Express da NEC está sendo usada para maior conveniência, personalização e segurança em uma variedade de configurações diferentes dentro do industria do turismoe é especialmente útil em ambientes de alto tráfego.

 

Quais são as preocupações com a privacidade?

Embora a tecnologia de reconhecimento facial possa ser de grande benefício para o viagem e Turismo indústria, é importante estar ciente das questões de privacidade que o cercam. Muitas pessoas acham que a tecnologia - e a coleta de dados biométricos em geral - é excessivamente intrusiva e algumas se preocupam com as empresas que coletam e armazenam tantos dados sobre elas.

Além da cobrança básica de empresas saberem e coletarem muito, há também uma preocupação significativa com o compartilhamento de dados com terceiros, potencialmente sem a permissão expressa dos clientes. Por essas razões, é importante que a privacidade seja levada a sério e, sempre que possível, os clientes tenham a possibilidade de optar por sair.

A tecnologia de reconhecimento facial está sendo adotada em muitos ambientes diferentes e é especialmente útil na indústria de viagens para fins de segurança, personalização e conveniência. No entanto, as empresas precisam estar cientes das preocupações com a privacidade e tomar medidas para tranquilizar os clientes que estão preocupados com a forma como os dados serão usados.

Mais tecnologias inovadoras em viagens

Com a tecnologia em constante evolução, não é de se surpreender que suas aplicações na indústria de viagens também evoluam. Nos artigos a seguir, reunimos mais algumas tecnologias inovadoras na atual indústria de viagens e turismo.

Mais dicas para expandir seus negócios

Revfine.com é uma plataforma de conhecimento para a indústria de hospitalidade e viagens. Os profissionais usam nossos insights, estratégias e dicas práticas para se inspirar, otimizar receitas, inovar processos e melhorar a experiência do cliente. Você pode encontrar todos dicas da indústria de viagens nas categorias Marketing e Distribuição, Pessoal e Carreira e Tecnologia e Software.

Submeter um artigo